Política

Marçal pede conclusão de obras de Ceims

Vereador diz que a educação precisa ser tratada com prioridade (Foto: Thiago Morais) Vereador diz que a educação precisa ser tratada com prioridade (Foto: Thiago Morais)

O vereador Marçal Filho (PSDB) voltou a pedir celeridade nas obras de Centros de Educação Infantil (Ceims) em Dourados. As matrículas na rede municipal de ensino começam na segunda-feira que vem, dia 3, e muitos pais estão aflitos se vão conseguir vaga para os filhos. O problema poderia ser evitado, segundo Marçal, se a educação fosse tratada com prioridade.

Todo ano faltam vagas nos Ceims e em 2019 não deve ser diferente. "Como são obras importantes é preciso agilidade, pois são centenas de crianças fora do ambiente escolar", questiona Marçal Filho.

Existe em andamento a construção de cinco Ceims e o ritmo de trabalho nas obras é questionado pela população. No jardim Vitória, por exemplo, resta apenas o acabamento. Enquanto isso, cerca de três mil crianças continuam sem estudar. O caso é mais delicado no Ceim do jardim Colibri, inaugurado há 11 meses e que tinha previsão de entrar em funcionamento no segundo semestre letivo deste ano.

Marçal tem cobrado uma solução para a falta de vagas. Ele já chegou a sugerir para Prefeitura, como alternativa, firmar parceria com instituições que oferecem estruturas físicas e condições para receber as crianças, até zerar a falta de vagas. O vereador também já procurou o Ministério Público Estadual e fez representação sobre a problemática de vagas, comum no início de cada ano letivo.

No ano passado, a Prefeitura inaugurou dois Ceims construídos com recursos garantidos por Marçal quando desempenhou a função de deputado federal.  São as unidades do jardim Monte Carlo e do Jóquei Clube, que serviu como Ceim modelo por abrigar crianças em tempo integral.

Comentários