Policial

Corregedoria prende delegado por envolvimento em furto de cocaína

O delegado Eder Oliveira Moraes foi preso nesta manhã em casa, onde também foi cumprido mandado de busca e apreensão

Equipes do Garras e Corregedoria em frente à casa do delegado nesta manhã. (Foto: Reprodução Whatsapp) Equipes do Garras e Corregedoria em frente à casa do delegado nesta manhã. (Foto: Reprodução Whatsapp)

Foi preso durante operação da Corregedoria da Polícia Civil na manhã desta segunda-feira (24) o delegado Eder Oliveira Moraes, suspeito de envolvimento no furto de 100 quilos de cocaína, de dentro da 1ª Delegacia de Polícia Civil de Aquidauana. Ele foi preso em casa, na Rua Oscar Trindade de Barros.

Equipes da Corregedoria e do Garras (Delegacia de Repressão a Roubo a Banco, Assaltos e Sequestros) estão desde às 5h da manhã na cidade. Além da prisão, equipes também cumprem mandado de buscas e apreensão na residência do delegado e de outros envolvidos.

Segundo o delegado Adriano Garcia Geraldo, chefe da comunicação da Delegacia-Geral da Polícia Civil, o mandado de prisão temporária foi pedido pela Corregedoria da Polícia Civil com base em fortes indícios que apontam a participação de Eder no sumiço da droga.

Do início da investigação até agora, 10 pessoas foram presas e carros e motocicletas apreendidos. Segundo Adriano, os veículos provavelmente foram adquiridos com dinheiro provenientes do tráfico da cocaína.

Prisões - Entre os presos transferidos, está a advogada Mary Stella Martins de Oliveira. Ela foi detida no sábado (15), depois que a casa dela foi revistada. Quatro dias antes, na terça-feira (11), o imóvel também tinha sido alvo de varredura da Polícia Civil. Uma agente da polícia civil também teria sido presa, mas a informação não foi confirmada pela Corregedoria.

O delegado Eder chegou a ser removido da delegacia de Aquidauna, depois do sumiço da droga, transferido para Selvíria. 

Comentários